O que é administração financeira: objetivo, funções e mais!

Escrito na categoria "Comparativo de máquinas de cartão" por André M. Coelho.

A gestão ou administração financeira significa planejar, organizar, dirigir e controlar as atividades financeiras, como aquisição e utilização de fundos da empresa. Significa aplicar os princípios gerais de gestão aos recursos financeiros da empresa.

Vamos entender o escopo da administração financeira e como ela influencia o seu negócio.

O que é administração financeira e qual seu escopo?

A administração financeira vai um pouco além do dinheiro, com um escopo mais amplo. É a gestão eficiente dos recursos da empresa para a obtenção máxima de retorno.

Algumas das áreas em que a administração financeira atua são:

Investimentos: as decisões de investimento incluem o investimento em ativos fixos (denominado orçamento de capital). O investimento em ativos circulantes também faz parte das decisões de investimento chamadas de decisões de capital de giro.

Decisões financeiras: referem-se à captação de financiamentos com recursos diversos que dependerão da decisão sobre tipo de fonte, prazo de financiamento, custo de financiamento e retorno do mesmo.

Decisão de dividendos: o administrador financeiro deve tomar decisões com relação à distribuição do lucro líquido. Os lucros líquidos são geralmente divididos em dois:

Dividendo para acionistas: dividendo e sua taxa devem ser decididos.

Lucros retidos: montante dos lucros retidos deve ser finalizado, o que dependerá dos planos de expansão e diversificação da empresa.

Qual o objetivo da administração financeira?

A administração financeira geralmente se preocupa com a aquisição, alocação e controle dos recursos financeiros de uma empresa. Os objetivos podem ser:

Para garantir o fornecimento regular e adequado de fundos para a preocupação.

Garantir retornos adequados aos acionistas que dependerão da capacidade de ganho, preço de mercado da ação e expectativas dos acionistas.

Para garantir a utilização ideal de fundos. Uma vez que os fundos são adquiridos, eles devem ser utilizados da maneira máxima possível com o menor custo.

Para garantir a segurança do investimento, ou seja, os fundos devem ser investidos em empreendimentos seguros para que a taxa de retorno adequada possa ser alcançada.

Para planejar uma estrutura de capital sólida deve haver uma composição de capital sólida e justa, de modo que seja mantido um equilíbrio entre dívida e capital próprio.

Administração financeira de

A administração financeira é um processo importante e necessário para diversos procedimentos. (Foto: Toppr)

Funções da administração financeira

Quais são as funções da administração financeira? Vamos descrever algumas delas:

1. Estimativa de requisitos de capital

Um administrador financeiro deve fazer estimativas com relação aos requisitos de capital da empresa. Isso dependerá dos custos e lucros esperados e dos programas e políticas futuras de uma preocupação. As estimativas têm de ser feitas de forma adequada, o que aumenta a capacidade de ganho da empresa.

2. Determinação da composição do capital

Uma vez feita a estimativa, a estrutura do capital deve ser decidida. Isso envolve a análise do patrimônio líquido de curto e longo prazo. Isso dependerá da proporção do capital social que uma empresa possui e dos fundos adicionais que devem ser levantados de terceiros.

3. Escolha de fontes de fundos

Para obter fundos adicionais, uma empresa tem muitas opções como:

Emissão de ações e debêntures

Empréstimos a serem tomados de bancos e instituições financeiras

Depósitos públicos a serem sacados na forma de títulos.

A escolha do fator dependerá dos méritos e deméritos relativos de cada fonte e período de financiamento.

4. Investimento de fundos

O gerente financeiro deve decidir alocar fundos em empreendimentos lucrativos, de modo que haja segurança no investimento e retornos regulares sejam possíveis.

5. Eliminação do excedente

A decisão sobre o lucro líquido deve ser tomada pelo gerente financeiro. Isso pode ser feito de duas maneiras:

Declaração de dividendos: Inclui a identificação da taxa de dividendos e outros benefícios como bônus.

Lucros retidos: o volume deve ser decidido, o que dependerá dos planos de expansão, inovação e diversificação da empresa.

6. Gestão de caixa

O administrador financeiro deve tomar decisões com relação à gestão de caixa. O dinheiro é necessário para muitas finalidades, como pagamento de salários e vencimentos, pagamento de contas de luz e água, pagamento a credores, cumprimento de passivos circulantes, manutenção de estoque suficiente, compra de matérias-primas, etc.

7. Controles financeiros

O gerente financeiro não deve apenas planejar, obter e utilizar os fundos, mas também exercer controle sobre as finanças. Isso pode ser feito por meio de muitas técnicas, como análise de índice, previsão financeira, controle de custos e lucros, etc.

Ficou alguma dúvida? Deixem suas perguntas!

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

Após ouvir relatos de seus clientes empresariais, André percebeu que existia o receio de aceitar cartões por motivos variados, desde custos até não saber como funcionava uma máquina de cartão. Sendo especialista em finanças e educador financeiro com mais de 300 horas em cursos, André decidiu escrever sobre as máquinas de cartão para ajudar seus leitores e os vendedores que querem entrar neste mundo dos cartões de crédito e débito.

Aviso legal

O conteúdo apresentado no site é apenas informativo com o objetivo de ensinar sobre o funcionamento do mundo financeiro e apresentar ao leitor informações que o ensine a pensar sobre dinheiro. O site Maquininha não faz recomendações de investimentos e em nenhuma hipótese pode ser responsabilizado por qualquer tipo de resultado financeiro devido a práticas realizadas por seus leitores.

Deixe um comentário