Como vender artesanato com cartão?

Escrito na categoria "Como pedir máquina de cartão" por André M. Coelho.

Se você planeja vender seus itens artesanais, precisará aceitar pagamentos. Ao vender em um mercado online, o mercado coleta o pagamento do cliente em seu nome. O mercado recebe uma parte da venda (suas taxas de processamento) e deposita o restante em sua conta. No entanto, se você estiver vendendo pessoalmente, precisará de um método para coletar pagamentos.

Como vender artesanato no começo?

Dinheiro ou cheques são a maneira mais fácil de coletar fundos de clientes locais. Lembre-se de permitir a liberação dos cheques antes de fornecer o item ao cliente. Nós recomendamos que você não aceite cheques, no entanto. Comece aceitando apenas dinheiro para fazer o capital de giro do seu negócio e começar assim a crescer com segurança.

Vendendo artesanato com leitores de cartão

Depois que você começa a conhecer seu público e tem já alguns recursos guardados, há vários leitores de cartão de crédito para pequenas empresas disponíveis. Os leitores de cartão de crédito usam seu smartphone ou tablet e processam o pagamento do cliente em seu nome. A empresa recebe uma parte da venda para processar o pagamento e deposita os fundos restantes em sua conta.

As necessidades de cada empresa de pequeno porte variam, então compare suas opções para descobrir qual leitor se adapta melhor à sua pequena empresa. Por exemplo, se você atender pedidos principalmente por telefone, escolha um leitor de cartão de crédito com taxas mais baixas para transações digitadas.

Para ajudar você a decidir qual funcionará melhor para suas necessidades, resumi alguns pontos principais sobre cada um no gráfico abaixo. Os links para cada leitor de cartão de crédito podem ser encontrados no final do artigo.

Vendendo artesanato por cartão

Venda seu artesanato para quem tem cartões e aumente seu número de clientes. (Foto: iStock)

Tenha sempre capital de giro antes de aceitar cartões

Uma observação rápida (mas importante) para os vendedores mais novos: sempre tenha um bom capital de giro antes de começar a trabalhar em qualquer item para qualquer cliente. Nenhum vendedor deseja colocar os suprimentos e o tempo em um item, especialmente um item personalizado que talvez você não consiga revender e, em seguida, solicite ao cliente que não realize a venda.

Ainda mais quando falamos de aceitar pagamentos por cartão, o cuidado em ter capital de giro disponível vai te ajudar a evitar problemas com os prazos de recebimento de pagamentos em cartão, também ajudando a evitar que você tenha de pegar empréstimos ou adiantamentos da máquina de cartão. Essa antecipação de recebíveis pode resultar em grandes custos, principalmente se sua empresa estiver apenas começando.

https://youtu.be/HY_X88vun4g

Por que aceitar cartões no seu negócio de artesanato?

Ter clientes pagando pessoalmente é ótimo para feiras e vendas locais, mas e se você precisar coletar pagamento por itens que não está vendendo em um mercado online e se o cliente não for local? O faturamento online é uma ótima maneira de fazer isso facilmente.

Aceitar cartões também vai expandir o seu número de potenciais clientes. O que você precisará fazer é colocar os custos da máquina de cartão e as taxas no valor final de seus produtos e serviços. Você poderá até oferecer um desconto para quem pagar em dinheiro, o que pode motivar mais clientes a pagar em dinheiro.

Ficou alguma dúvida? Deixem nos comentários suas perguntas! Estamos aqui para ajudar no que vocês precisarem!

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

Após ouvir relatos de seus clientes empresariais, André percebeu que existia o receio de aceitar cartões por motivos variados, desde custos até não saber como funcionava uma máquina de cartão. Sendo especialista em finanças e educador financeiro com mais de 300 horas em cursos, André decidiu escrever sobre as máquinas de cartão para ajudar seus leitores e os vendedores que querem entrar neste mundo dos cartões de crédito e débito.

Aviso legal

O conteúdo apresentado no site é apenas informativo com o objetivo de ensinar sobre o funcionamento do mundo financeiro e apresentar ao leitor informações que o ensine a pensar sobre dinheiro. O site Maquininha não faz recomendações de investimentos e em nenhuma hipótese pode ser responsabilizado por qualquer tipo de resultado financeiro devido a práticas realizadas por seus leitores.

Deixe um comentário