Cobrança em duplicidade, o que fazer?

Escrito na categoria "Problemas em máquinas de cartão" por André M. Coelho.

Se o seu cartão de débito ou crédito for cobrado duas vezes pela mesma transação ou você descobrir outras cobranças incorretas, notifique o seu banco o mais rápido possível. Ao fazer isso, você poderá ter seu dinheiro reembolsado mais rápido, reduzindo seu prejuízo e evitando problemas com a falta de dinheiro.

Dica para lidar com pagamento em duplicidade

É importante tomar medidas imediatas e informar à empresa do cartão de débito ou crédito que seu cartão foi cobrado duas vezes por um serviço ou item que foi comprado apenas uma vez. Isso dá à empresa a chance de corrigir o erro e limita sua responsabilidade pelo custo adicional que você não autorizou. Algumas empresas já estão disponibilizando esta opção diretamente no aplicativo do cartão, facilitando para você consertar o problema.

Monitore seus pagamentos para encontrar uma transação duplicada

Se você usa um cartão de débito ou cartão de crédito, é uma boa ideia revisar seus extratos regulares ou monitorar sua conta por meio de serviços bancários online. Dessa forma, você não será surpreendido se encontrar uma cobrança incomum ou fraudulenta. Alguns bancos também permitem que você receba notificações por telefone de quaisquer cobranças em sua conta. Isso pode ser útil para garantir que as cobranças de surpresa não levem seu banco para baixo onde você espera.

Cobrança dupla em cartões

Caso tenha sido cobrado duas vezes no cartão de débito ou crédito, veja como corrigir o erro. (Foto: The Points Guy)

Relatando a cobrança indevida no cartão

Depois de ver qualquer tipo de cobrança incorreta em sua conta, convém denunciá-la o mais rápido possível. Com um cartão de débito, você pode receber o estorno imediatamente se o erro for constatado imediatamente. Valores mais altos, no entanto, podem demorar mais para serem reembolsados. E o quanto antes você notificar a empresa do cartão, melhor para receber seu estorno.

Geralmente, você pode ligar para o número na parte de trás do seu cartão a qualquer hora do dia para denunciar fraude ou cobrança incorreta. Alguns cartões de débito ainda têm um número para o qual você pode ligar para cobrar se estiver viajando para o exterior e perceber uma cobrança inesperada na sua conta. Alguns bancos também permitem que você relate fraudes ou cobranças incorretas online por meio de um site ou aplicativo de smartphone.

Alguns bancos podem ter políticas mais generosas, principalmente se você tiver um seguro para seu cartão, o que pode facilitar nos reembolsos.

Como lidar com cobranças fraudulentas?

Se você acredita que a cobrança indevida ou duplicada foi fraudulenta e não apenas um erro honesto, convém solicitar ao banco que reemita seu cartão de débito com um novo número e data de validade. Nesse caso, você terá que atualizar seu número em qualquer lugar salvo, como pagamentos online e serviços de pagamento automático de faturas. É necessário bloquear seu cartão também.

Você também pode denunciar a fraude do cartão para uma delegacia de polícia local, que rastreia essa fraude e pode ajudar que outras pessoas não tenham problemas. Se você está preocupado com o roubo de identidade que pode ir além de um único cartão, também pode verificar seus relatórios de crédito e abrir um boletim de ocorrência para se proteger no caso de alguém abrir fraudulentamente uma conta de cartão de crédito ou peça dinheiro emprestado em seu nome.

Ficou alguma dúvida? Deixem nos comentários suas perguntas!

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

Após ouvir relatos de seus clientes empresariais, André percebeu que existia o receio de aceitar cartões por motivos variados, desde custos até não saber como funcionava uma máquina de cartão. Sendo especialista em finanças e educador financeiro com mais de 300 horas em cursos, André decidiu escrever sobre as máquinas de cartão para ajudar seus leitores e os vendedores que querem entrar neste mundo dos cartões de crédito e débito.

Aviso legal

O conteúdo apresentado no site é apenas informativo com o objetivo de ensinar sobre o funcionamento do mundo financeiro e apresentar ao leitor informações que o ensine a pensar sobre dinheiro. O site Maquininha não faz recomendações de investimentos e em nenhuma hipótese pode ser responsabilizado por qualquer tipo de resultado financeiro devido a práticas realizadas por seus leitores.

Deixe um comentário