O preço das transações com cartão é uma mistura complicada de taxas diferentes das diferentes partes do ecossistema de pagamentos, e os comerciantes tradicionalmente têm uma visão limitada do que realmente estão pagando.

À primeira vista, os pagamentos com cartão podem parecer descomplicados: o dinheiro é retirado da conta do cliente e depositado na conta do comerciante, e o cliente sai com o produto. Na realidade, porém, as transações com cartões são muito mais complexas e dependem de uma rede de bancos, adquirentes, gateways e esquemas de cartões.

E, embora esse processo complicado não seja diretamente visível ao comerciante, ele os afeta de uma maneira clara: o custo da transação. Simuladores de taxas poderão ajudar então no planejamento do negócio e, acima de tudo no começo do processo de aceitação de cartões no seu negócio.

Quais são as taxas do cartão?

Durante o processo de transação, as diferentes partes envolvidas cobram suas próprias taxas. Todas essas taxas são agrupadas pelo adquirente que retira o valor antes de depositar dinheiro na conta do comerciante. Como os comerciantes não veem as taxas individuais, geralmente não têm uma ideia de como o custo de uma transação é realmente estruturado. Ferramentas avançadas permitem a diferentes empresas reforçar a transparência e reduzir custos para os comerciantes.

Mas onde vai essa otimização? Vamos entender como se somam as taxas para formar o valor que você, o vendedor, vai pagar.

Simulador de taxa de cartão: intercâmbio

A taxa que um cartão emissor do banco cobra por uma transação é chamada taxa de intercâmbio. Essa taxa é bastante direta e é retirada, como um preço único, diretamente durante a transação. Esse preço pode variar muito, dependendo do tipo de cartão, país e setor. Os cartões privados têm preços inferiores aos cartões corporativos, as compras domésticas têm taxas mais baixas que as compras internacionais e assim por diante.

Dependendo dessas variáveis, todas as transações são colocadas em um determinado programa de intercâmbio que possui uma taxa específica e, como resultado, as taxas de intercâmbio podem variar bastante.

Taxas de máquina de cartão

Simule taxas do seu negócio para as máquinas de cartão e escolha a melhor opção para suas necessidades. (Foto: Instabill)

Simulador de taxa de cartão: sistema

Quando se trata de taxas de sistemas de cartões, a imagem se torna muito mais complicada. As taxas dos sistemas na verdade consistem em muitas taxas diferentes, fixas e variáveis, que compõem o custo total da taxa do esquema. Alguns deles são aplicados a todas as transações, independentemente do tipo. Outras taxas são únicas para cada transação e variam dependendo da localização, tipo de transação, tipo de cartão, valor da compra e muito mais. Para aumentar a complexidade, essas taxas também estão sujeitas a alterações frequentes e os adquirentes precisam revisar essas atualizações regularmente.

Outra diferença em relação às taxas de intercâmbio é que as taxas do esquema de cartão não são retiradas diretamente durante a transação, mas são faturadas ao adquirente. Dependendo da taxa, essas faturas são enviadas anualmente, mensalmente, semanalmente ou até diariamente. Portanto, cabe ao adquirente garantir que o comerciante receba o valor correto para cada transação.

Calculadora de taxa do cartão: margem do adquirente

O último tipo de taxa é a margem que o adquirente possui em cada transação. A margem do adquirente deve cobrir o risco de crédito e as despesas gerais que o adquirente possui, bem como o lucro que o adquirente obtém. Como os riscos e custos associados a uma transação variam de acordo com o setor, os tipos de transação, a região e a troca de moeda, todos esses fatores afetam a margem que o adquirente cobrará por uma transação específica.

Modelos de preços de máquinas de cartão para vendedores

Um vendedor provavelmente não terá acesso a esses diferentes valores em um simulador de taxas. Isso porque as empresas darão diretamente os valores das taxas já com todos os custos acima inclusos, salvo se você usar um simulador ou calculadora mais completo.

O que vai realmente importar para o vendedor é a escolha do modelo de preço ideal, que vai estabelecer como essas taxas serão repassadas ao seu negócio. Os modelos mais comuns incluem:

Preços combinados

O modelo de preço mais simples para aquisição é chamado de preço misto. Com preços combinados, o comerciante paga uma taxa fixa por suas transações. O benefício desse modelo é sua previsibilidade e a previsão fácil, além da proteção que oferece aos comerciantes contra aumentos nas taxas do esquema. Por esses motivos, os preços combinados geralmente são preferidos por pequenos e médios comerciantes. A desvantagem desse modelo, no entanto, é que os adquirentes precisam cobrar um prêmio para cobrir o risco de aumento das taxas do plano ou do intercâmbio. Este é o modelo mais utilizado pelas empresas de máquinas de cartão no Brasil.

Intercâmbio

O outro modelo de preço é chamado Intercâmbio. Isso significa que o preço de cada transação é calculado adicionando a taxa de intercâmbio, a taxa do esquema e a margem do adquirente para essa transação específica. Esse modelo é geralmente preferido por empresas maiores porque o comerciante obtém relatórios mais transparentes para transações individuais e pode reduzir seus custos otimizando a maneira como os pagamentos são roteados. Para que esse modelo funcione bem, no entanto, o adquirente precisa ter um modelo muito sofisticado para calcular as taxas do esquema e o comerciante corre o risco de aumentos repentinos de preço dos esquemas de cartões. Este modelo é geralmente usado apenas pelas grandes fornecedoras de sistemas PDV, além de gateways de e-commerce para empresas de médio a grande porte.

O simulador é uma ferramenta útil

No final, a chave é ser diligente e trabalhar com empresas em que você pode confiar e sempre comparar taxas. Pesquise, compare, negocie e assim, saiba sempre quais taxas está pagando pelos seus produtos. Use o simulador para te ajudar a tomar decisões e escolher as melhores máquinas de cartão. Assim, poderá economizar muito dinheiro ao longo do tempo, gerando mais lucros.

Ficou alguma dúvida? Deixem nos comentários suas perguntas!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)