Cartão de crédito internacional, como fazer?

Escrito na categoria "Tipos de máquinas de cartão" por André M. Coelho.

Um cartão de crédito internacional pode ser usado praticamente em qualquer lugar do mundo. É um cartão que não ficará limitado apenas a lojas que tenham sede no Brasil, sejam elas lojas online e/ou físicas. São também conhecidos como cartões de viagem, pois são os cartões que as pessoas compram para utilizar em suas viagens internacionais.

O que faz um cartão de crédito internacional?

Nem todos os cartões que funcionam no Brasil vão funcionar quando você estiver viajando internacionalmente. Um cartão que você pode usar na Austrália, Canadá, Europa, Japão, México, EUA e outros lugares significa que você não terá de procurar apenas empresas que só aceitam tipos específicos de pagamentos ou certas moedas quando você estiver viajando.

Se você quiser evitar as dificuldades de transportar dinheiro ou cheques de viagem, ficar preso em usar um caixa eletrônico e ser incapaz de terminar uma transação ou pagar taxas de transação estrangeiras para suas compras, um cartão de crédito internacional é obrigatório para a praticidade.

Como fazer um cartão internacional?

Antes de solicitar um cartão de crédito internacional, é importante verificar sua pontuação de crédito e ver se você se qualifica para um cartão internacional. Uma pontuação baixa ou nenhuma pontuação pode ficar no caminho dos seus sonhos de viajar com um cartão de crédito internacional na mão. A maioria dos cartões de crédito internacionais que oferecem dinheiro ou milhas exigem uma pontuação boa ou até mesmo excelente.

Independentemente da sua pontuação, há opções de cartão de crédito internacional disponíveis se o seu crédito for mediano ou ruim. Pesquisando bastante, você pode receber diferentes ofertas e encontrar a melhor opção para suas necessidades. Prefira os cartões que tem programas de benefícios com cashback.

Com sua pontuação de crédito em mãos, sugerimos que você comece sua procura por cartões de crédito de bancos digitais, como C6 Bank, Nubank, Banco Pan, e outros. Estes cartões são geralmente mais fáceis de terem a aprovação, e têm ótimos benefícios.

Caso estes cartões não te agradem, a segunda opção deve ser cartões de crédito de bancos ou instituições financeiras nos quais você já tem conta. Seu histórico com essas instituições pode te ajudar a ter a aprovação.

A última opção deve ser de cartões de lojas. Estes cartões oferecem poucos benefícos e, geralmente, tem juros mais altos e limites mais baixos.

Cartões de crédito internacionais

Um bom cartão de crédito internacional terá um bom limite e bons benefícios aos seus clientes. (Imagem:
MyMoneyMantra)

Cuidado com o IOF do cartão internacional digital ou normal

Uma taxa de transação de cartão de crédito internacional, o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) é uma taxa cobrada quando você usa seu cartão de crédito para fazer um pagamento em um país diferente. O valor cobrado é de  6,38% sobre o valor da transação. É uma taxa adicionada à venda porque você está pagando em uma moeda estrangeira.

Você pode fugir do IOF de forma fácil usando sites como Transferwise ou transações em criptomoedas para transferir dinheiro internacionalmente. Nem sempre será uma opção, no entanto, mas poderá te ajudar a economizar.

As taxas de transação externa são cobradas em diferentes tipos de transações, incluindo retiradas de caixas eletrônicos, reservas de hotéis ou até mesmo reservar voos de companhias aéreas. Basicamente, sempre que você usar o cartão de forma internacional terá de pagar IOF.

Chip e senha para o cartão internacional

Os chips EMV começaram na Europa e agora estão integrados em cartões de crédito em todo o mundo. O chip substituiu a tira magnética tradicional usada nos cartões de crédito. Porém, como muitos países ainda usam as tarjas magnéticas, muitos cartões ainda vem com chip e tarja magnética. Em outros casos, comerciantes estrangeiros não aceitam cartões de crédito padrão de tira magnética, porque a tecnologia é considerada insegura e desatualizada.

A senha PIN, ou número de identificação pessoal, é uma parte padrão dos cartões na Europa. O PIN associa um número de quatro dígitos com o cartão para identificar a autenticidade do titular do cartão e autorizar as transações – geralmente em quiosques de auto-atendimento, estandes de bilhetes, bombas de combustível, cabines de pedágio e cabines de telefone. Enquanto incomuns, é útil obter um PIN para o seu cartão de crédito internacional para que você não se encontre em um quiosque de auto-atendimento incapaz de completar sua compra ao viajar.

Então, se você planeja viajar para fora do Brasil, especialmente se seus planos incluem a Europa, ao comprar um cartão de crédito de viagem, procure um que apresenta recursos internacionais de chip e senha.

Qual o melhor cartão de crédito internacional?

Existem diferentes cartões de crédito internacionais disponíveis, mas alguns oferecem melhores benefícios e taxas de juros do que outras. Alguns até oferecem um programa de recompensas.

Nossa recomendação, como colocamos lá no começo do artigo é é procurar um cartão que tenha um programa de recompensas do tipo cashback. Estes programas são os que oferecem o melhor custo/benefício. Recomendamos também procurar um cartão internacional que não tenha anuidade ou negociar para que o cartão não cobre anuidade. Se o cartão cobrar anuidade você já está automaticamente saindo no prejuízo. Isso porque os melhores cartões internacionais hoje não cobram anuidade.

Coisas a considerar ao escolher um cartão internacional

Mesmo com um meio internacional de pagamento, seu cartão de crédito pode não ser aceito em todos os locais. Lembre-se que dependendo da bandeira do seu cartão, internacionalmente, ele pode não ser aceito.

Antes de embarcar em sua viagem, é benéfico verificar com lojas (se possível) ou o próprio emissor de cartão de crédito para ver se existem quaisquer condições que possam impedir que seu cartão seja aceito por comerciantes estrangeiros. Alternativamente, você pode considerar ter cartões de diferentes bandeiras com você para evitar problemas.

Viagens e compras internacionais com cartão de crédito são convenientes, mas também pode ser complicado. Se você está planejando uma viagem no exterior, é importante pesquisar quais cartões de crédito internacionais lhe servirão melhor.

Ficou alguma dúvida ou tem uma sugestão? Deixe nos comentários abaixo!

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

Após ouvir relatos de seus clientes empresariais, André percebeu que existia o receio de aceitar cartões por motivos variados, desde custos até não saber como funcionava uma máquina de cartão. Sendo especialista em finanças e educador financeiro com mais de 300 horas em cursos, André decidiu escrever sobre as máquinas de cartão para ajudar seus leitores e os vendedores que querem entrar neste mundo dos cartões de crédito e débito.

Aviso legal

O conteúdo apresentado no site é apenas informativo com o objetivo de ensinar sobre o funcionamento do mundo financeiro e apresentar ao leitor informações que o ensine a pensar sobre dinheiro. O site Maquininha não faz recomendações de investimentos e em nenhuma hipótese pode ser responsabilizado por qualquer tipo de resultado financeiro devido a práticas realizadas por seus leitores.

Deixe um comentário