C6 Pay: vale a pena?

Em Comparativo de máquinas de cartão por André M. Coelho

O Banco C6 tem a sua própria máquina de cartões, o pagamento C6. O equipamento não tem taxa de aluguel, e pode proporcionar exatamente o que seu negócio precisa para começar a efetivar vendas por cartões de crédito e débito. Mas como funciona? Vale a pena a máquina de cartão C6 Pay? Vamos conhecer um pouco mais dela.

Maquininha C6 Pay e as taxas

Muitos pequenos empresários encontram taxas de processamento de cartão de crédito para ser extremamente problemática. Mas sem ter a capacidade de aceitar cartões de crédito, o futuro da sua empresa poderia estar em grave perigo. Então, como você pode aceitar cartões de crédito enquanto estiver girando um lucro? Obtendo uma máquina de cartão diferenciada, com taxas mais baixas.

Um provedor de serviços comerciais, como a C6 Pay, fornecerá sua empresa uma conta digital para que você possa processar com segurança cartões de crédito.

Oferece taxas diferenciadas para Pessoas Jurídicas, MEI, e Pessoas Físicas. Em outras palavras, quanto mais você vender, menores poderão ser suas taxas de cobrança. Só dar uma conferida no Portal da C6 Pay.

Com um banco integrado com sua máquina de cartão, sua empresa pode processar pagamentos online sem ter que redirecionar os clientes para um site de terceiros. Além disso, você ganhará proteção contra fraudes para garantir transações de cartão de crédito seguras e serviços seguros de comerciantes.

C6 Pay telefone

A C6 Pay tem também a vantagem de oferecer diversos meios de comunicação com seus clientes. São os seguintes os usados pada contato:

Chat para clientes C6 Bank: acesso pelo app do C6 Bank

Telefone de atendimento em capitais e regiões metropolitanas: 3003 6116

Telefone de atendimento nas demais localidades: 0800 660 6116

WhatsApp do C6: (11) 2832 6088

Email do C6: [email protected]

SAC 24 horas do C6: 0800 660 0060

Ouvidoria do C6: 0800 660 6060 (segunda à sexta das 9 às 18, exceto em feriados)

Máquinas do C6 Pay

O C6 Pay pode proporcionar uma ótima máquina de cartão para seu negócio, desde que pesquise bem e compare as opções. (Imagem: C6)

Quais as vantagens da C6 Pay?

Em vez de processar transações fora de seu software de contabilidade e marcando manualmente suas faturas como pagas, você deve considerar um provedor que oferece uma maneira de processar transações dentro do seu software centralizado. Isso elimina a entrada de dados duplos e o potencial de erro humano. Mas como isso acontece na prática?

1. Conta digital C6 Bank integrada com o C6 Pay

Com a integração do C6 Pay com sua conta digital no C6 Bank, esse processo fica bem simplificado, sem precisar comprar softwares caros e treinar muito sua equipe.  A integração de seus pagamentos pode automatizar o processo e fornecer mais tempo para se concentrar nos clientes atuais e trazer novos clientes.

2. C6 Pay Link

Você pode enviar um link de cobrança para seus clientes, o que possibilita as vendas de cartão não presente e sem a intermediação de um gateway de pagamentos online, simplificando suas vendas.

3. PIX

Uma boa máquina de cartão, como a C6 Pay, já consegue gerar QR Codes para pagamento diretamente por PIX.

4. Portal C6 Pay

Gestão facilitada e integrada do seu negócios, principalmente os valores recebidos e taxas pagas para o C6.

5. C6 Pay Multi

Com essa vantagem, você pode usar uma adquirente mais barata, com taxas mais vantajosas, ao invés de ficar preso apenas à C6 Pay.

6. C6 Express

Saques de dinheiro para clientes C6 Bank, e você recebe um valor fixo por saque.

Quanto custa a máquina C6 Pay?

São 3 modelos de máquinas, e todas podem ser gratuitas dependendo do faturamento mínimo que você tiver na sua empresa. De acordo com o próprio site da C6 Pay:

Lembrando que você pode habilitar o C6 Pay Multi em qualquer uma das máquinas, entrando em contato pela Central de Relacionamento 24h nos telefones 3033 6116 (capitais e regiões metropolitanas) e 0800 660 6116 (demais regiões).

O que vocês acharam da C6 Pay? Vocês usariam uma das máquinas da marca?

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

Após ouvir relatos de seus clientes empresariais, André percebeu que existia o receio de aceitar cartões por motivos variados, desde custos até não saber como funcionava uma máquina de cartão. Sendo especialista em finanças e educador financeiro com mais de 300 horas em cursos, André decidiu escrever sobre as máquinas de cartão para ajudar seus leitores e os vendedores que querem entrar neste mundo dos cartões de crédito e débito.

Aviso legal

O conteúdo apresentado no site é apenas informativo com o objetivo de ensinar sobre o funcionamento do mundo financeiro e apresentar ao leitor informações que o ensine a pensar sobre dinheiro. O site Maquininha não faz recomendações de investimentos e em nenhuma hipótese pode ser responsabilizado por qualquer tipo de resultado financeiro devido a práticas realizadas por seus leitores.

Deixe um comentário