Tudo que você precisa saber sobre a FrogPay

Escrito na categoria "Comparativo de máquinas de cartão" por André M. Coelho.

A FrogPay é uma intermediadora de pagamentos de cartões. Utilizando terminais POS, Mobile, computadores e outros meios, a FrogPay trabalha com diversas bandeiras para operar em transações de crédito e débito. Entender o que a FrogPay oferece é uma boa ideia para saber se é uma boa opção para seu negócio.

A FrogPay é o quê?

A FrogPay oferece os sistemas de intermediação de pagamentos. Através de um atendimento de qualidade, transparência, e atendimento 24 horas por dia e 7 dias por semana, a FrogPay tenta oferecer o melhor serviço possível. A empresa se enxerga como uma parceira do negócio, oferecendo diversas soluções integradas para os negócios.

Soluções FrogPay para aceitar cartões

Como todas as intermediadoras de pagamento, a FrogPay tem máquinas 3G, WiFi e por cabo. São as seguintes opções:

Esses são os principais produtos e serviços da FrogPay. Abaixo, descreveremos o restante dos serviços da empresa.

Programa de fidelidade FrogFideliza

As campanhas de fidelização por pontos ou descontos podem ser ativados diretamente na maquininha da empresa. Os clientes podem acumular pontos ou descontos, de acordo com o plano de fidelização da sua empresa. O programa pode ser feito com os critérios da sua empresa, o que é uma vantagem e pode atrair muitos outros clientes para seu negócio.

Serviços e produtos Frogpay

A Frogpay oferece diversas soluções financeiras para empresas e consumidores. (Foto: Linkedin)

FrogFree para máquinas mais baratas

A FrogFree é uma campanha da FrogPay onde há o pagamento através do abatimento do Fluxo de Vendas, e está disponível para clientes Pessoa Jurídica e Pessoa Física. Assim sendo, o cliente passa a ter isenção na locação da máquina e só paga o FrogSYSTEM, o sistema da FrogPay. O pagamento da máquina será feito através do abatimento nas operações financeiras. Será feita uma análise completa do cliente antes da aprovação para o FrogFree.

FrogGiro e FrogPaga

O FrogGiro oferece soluções para o fluxo de caixa dos clientes FrogPay, disponível apenas para clientes Pessoa Jurídica e que já são clientes FrogPay há mais de 6 meses. É uma forma de crédito que está limitado a 20% do que é transacionado usando máquinas FrogPay.

O FrogPaga é um serviço onde a FrogPay passa a pagar suas contas usando os créditos da sua máquina para isso, ou seja, descontando direto do seu fluxo. É um sistema de automação de pagamentos facilitado. Basta encaminhar as contas para a FrogPay após o cadastro. A conta só não será paga quando não há saldo disponível.

FrogPlus, FrogCard e FrogSplit

O FrogPlus é um serviço para clientes que tem a antecipação automática. O cliente pode negociar as condições a partir de um dado faturamento, e poderá usar o cartão FrogCard para recebimentos e transferências. O cliente FrogPay estabelece como será feito o FrogSplit, ou seja, a divisão dos recebimentos em diferentes contas.

O FrogSplit é a divisão dos recebimentos em mais contas, indo uma para a sua conta e outra diretamente para o fornecedor. Isso facilita na automação de processos e de pagamentos a fornecedores.

Vale a pena a FrogPay?

A FrogPay oferece um bom sistema de automação comercial parcial. Isso significa que ela ajuda a centralizar uma grande parte dos processos de pagamentos a fornecedores e uso dos créditos disponíveis. Ela pode ser um bom ponto de partida, com custos menores, para empresas que precisam automatizar certos processos.

Dito isso, para quem só está procurando uma maquininha, é preciso comparar as taxas com outras máquinas disponíveis no mercado antes de assinar com a FrogPay. Junto a isso, deve pesquisar em fóruns e redes sociais sobre o atendimento da FrogPay comparado com suas concorrentes. Assim, você poderá tomar uma decisão melhor sobre qual a melhor empresa para ser sua parceira na intermediação de pagamentos.

Ficou alguma dúvida? Deixem nos comentários suas perguntas!

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

Após ouvir relatos de seus clientes empresariais, André percebeu que existia o receio de aceitar cartões por motivos variados, desde custos até não saber como funcionava uma máquina de cartão. Sendo especialista em finanças e educador financeiro com mais de 300 horas em cursos, André decidiu escrever sobre as máquinas de cartão para ajudar seus leitores e os vendedores que querem entrar neste mundo dos cartões de crédito e débito.

Aviso legal

O conteúdo apresentado no site é apenas informativo com o objetivo de ensinar sobre o funcionamento do mundo financeiro e apresentar ao leitor informações que o ensine a pensar sobre dinheiro. O site Maquininha não faz recomendações de investimentos e em nenhuma hipótese pode ser responsabilizado por qualquer tipo de resultado financeiro devido a práticas realizadas por seus leitores.

Deixe um comentário