Os códigos QR têm muitos usos, mas como são utilizados para pagamentos? Eles ainda são relevantes? Vamos começar com a origem dos códigos QR (resposta rápida). O nome é a marca comercial de um tipo de código de barras matricial criado em 1994 para a indústria automotiva japonesa. Desde então, tem sido usado em muitos contextos, por exemplo, marketing e compartilhamento de informações, mas também é uma maneira popular de as pessoas fazerem pagamentos móveis.

O que é um QR Code?

Um código QR é a abreviação de código de resposta rápida, um nome de marca comercial do tipo mais popular de código de barras 2D legível por smartphones.

Quando um código QR é digitalizado, os padrões horizontais e verticais da matriz são decodificados pelo software em seu smartphone e convertidos em uma sequência de caracteres. Dependendo do comando desses caracteres, seu telefone pode abrir um link do navegador, confirmar informações de pagamento, verificar localização geográfica, entre outras operações.

Embora semelhante aos códigos de barras lineares que vemos nos produtos nas lojas, o código QR tem quatro vantagens importantes:

  • Ele armazena um grande volume de dados.
  • Pode ser digitalizado a partir de uma tela, não apenas de papel.
  • Pode ser lido mesmo que parte do código esteja danificada.
  • É mais seguro, porque as informações podem ser criptografadas.

Características dos códigos QR

Existem muitas variações de códigos de barras unidimensionais e bidimensionais, muitos dos quais parecem muito semelhantes. O código QR é apenas um dos designs bidimensionais que passa a ser o código usado com mais frequência para digitalizar com smartphones.

O código QR se destaca com seus três pequenos quadrados colocados nos cantos inferior e superior esquerdo e no canto superior direito. O código geral tem uma forma quadrada composta por uma matriz de pequenos quadrados. O número de pequenos quadrados por lado pode variar, por ex. 33 x 33 ou 177 x 177.

Quanto menos quadrados, menos informações o código contém e vice-versa para mais quadrados. Como as informações estão contidas em duas direções, elas podem armazenar muito mais dados do que um código de barras unidimensional. Um código QR composto de 177 x 177 quadrados pode, por exemplo, conter 4.296 caracteres ou 23.648 bits.

Como os códigos QR contêm mais dados, eles permitem criptografia útil para o processamento de pagamentos.

Aceitando QR code

Habilite o código QR em sua máquina de cartões para poder aceitar essa forma moderna de pagamento. (Foto: DocuSign)

Como funcionam os pagamentos com QR code?

Ao contrário dos códigos de barras lineares que só podem ser lidos por um scanner de código de barras a laser a partir de papel, os códigos QR podem ser digitalizados tanto no papel quanto nas telas. É por isso que você vê códigos QR em algumas lojas e aplicativos online.

Para processar um código QR, você precisa de um dos seguintes:

  • Smartphone ou tablet com câmera
  • Leitor de código de barras que pode digitalizar códigos QR

Tanto os iPhones quanto os smartphones Android podem escanear códigos QR diretamente do aplicativo principal da câmera, desde que esteja usando o software iOS ou Android mais recente. Basta abrir a câmera e apontá-la para o código QR, que a reconhecerá imediatamente e abrirá uma notificação por push, exigindo que você toque nela para concluir a operação relevante.

Apenas alguns anos atrás, era necessário usar um aplicativo de digitalização de código QR dedicado (existem muitos por onde escolher) em seu dispositivo móvel, alguns dos quais são aplicativos de fidelidade da empresa onde os detalhes do cartão de pagamento podem ser salvos.

Certos aplicativos bancários e de pagamento também podem processar códigos QR para pagamentos ou transferências bancárias.

Os pagamentos QR podem ser processados ​​de qualquer uma das seguintes maneiras:

1) Smartphone digitalizando o código QR do destinatário

Abra o aplicativo relevante, permitindo pagamentos com código QR. Em seguida, digitalize o código exibido no caixa da loja, em produtos individuais, no site ou na fatura em papel e confirme o preço, se necessário, antes de tocar para finalizar o pagamento. Ofertas e pontos de fidelidade podem ser aplicados através do aplicativo se for um aplicativo específico da loja.

2) Varejista que digitaliza um código QR na tela do telefone

Quando o valor total da transação é definido no sistema POS do varejista na finalização da compra, você abre um aplicativo de pagamento relevante, permitindo pagamentos com código QR. O aplicativo exibe um código QR exclusivo que identifica os detalhes do seu cartão. A loja digitaliza esse código com um scanner de código QR, finalizando a transação. Já existem vários apps que aceitam este tipo de pagamento.

3) Pagamentos entre aplicativos.

Você e o destinatário abrem os aplicativos relevantes e escaneiam o código QR exclusivo do destinatário exibido no aplicativo por meio do seu próprio aplicativo. Você confirma o valor a pagar e toca em para processar o pagamento.

Há apenas alguns anos, os pagamentos com código QR não eram tão rápidos devido às velocidades mais lentas da Internet, mas as conexões de rede tornaram-se tão rápidas que agora os pagamentos são processados ​​instantaneamente. Muitos usuários de smartphones ainda são impedidos por abrir um aplicativo e posicionar com precisão a câmera para capturar o código QR dentro da borda quadrada designada mostrada no aplicativo de pagamento.

Como aceitar pagamento com celular com QR Code?

Existem diferentes maneiras de aceitar pagamentos com código QR como empresa, mas as opções são limitadas em alguns países. De qualquer forma, você precisa configurar a aceitação por meio da empresa de pagamento que oferece o serviço para a carteira / aplicativo móvel específico que processa o código QR.

No Brasil, as empresas de pagamento Cielo, PagSeguro e Mercado Pago oferecem pagamentos QR, por exemplo, exibindo o código em uma tela de terminal de PDV inteligente ou impressa para o cliente digitalizar. Basta buscar a opção na máquina de cartão e tocar ou clicar nela.

As lojas online podem aceitar pagamentos QR, desde que o gateway de pagamento ou a solução de comércio eletrônico o suporte. Por exemplo, o Stripe suporta os códigos QR Alipay, Bancontact e WeChat na página de checkout. O adquirente global de pagamentos online e POS, Adyen, pode aceitar códigos QR WeChat e Alipay online e na loja.

As empresas com capital para criar seu próprio aplicativo podem implementar códigos QR no aplicativo, conectados aos pontos de fidelidade e dados do cliente.

Os pagamentos com código QR valem a pena?

Até a Europa e os EUA, os códigos QR são até agora conhecidos como pontos de acesso úteis (resposta rápida real) a informações, sites e verificação pessoal. Eles foram espalhados por cartazes publicitários, rótulos de produtos, ingressos para eventos e até esquinas aleatórias.

Quanto ao processamento de pagamentos, os códigos QR não tiveram a mesma taxa de adoção rápida que os cartões sem contato. Muitos investimentos já foram feitos em cartões NFC (sem contato) e carteiras móveis, e consumidores e bancos ficaram satisfeitos com a conveniência ou com os pagamentos instantâneos nas lojas.

No entanto, quando se trata de contas de serviços públicos, aplicativos de fidelidade e transferências bancárias, os britânicos estão mais acostumados a isso. Por exemplo, você vê códigos QR nos extratos de cartão de crédito dos grandes bancos, oferecidos como uma das várias maneiras de pagar a conta.

Os códigos QR também são uma maneira popular de realizar transações em vários países como o Brasil. Geralmente, os códigos QR são uma excelente maneira de os comerciantes aceitarem pagamentos sem uma máquina de cartão ou outra configuração cara, e o cliente nem precisa possuir um cartão de pagamento.

Esperamos não ter deixado qualquer dúvida. Caso tenha alguma pergunta, deixem nos comentários abaixo e iremos responder!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)