Você está comprando sapatos novos online. Ou encomendar flores para sua mãe por telefone. E de repente você é solicitado a inserir o “CVV” ou o código de segurança do seu cartão. Hã? O que é um número CVV de cartão de crédito? E onde você pode encontrá-lo?

Aí, suponha que você encontrou esse CVV e recebeu uma mensagem de erro. O que fazer?

Como você encontra o código de segurança do cartão?

CVV significa “valor de verificação do cartão” ou “card verification value” e serve como um recurso de segurança adicional quando você faz compras com “cartão ausente” – como pela Internet ou telefone.

Também é chamado de código de segurança do cartão (CSC), CVV2 ou CVC2, e aparece nos cartões de crédito e débito.

O código de segurança Visa, Mastercard, Elo e Discover tem três dígitos. Ele aparece na parte de trás do seu cartão, à direita do painel de assinaturas. Antes, você poderá ver parte ou todo o número da conta do seu cartão de crédito.

O código de segurança da American Express (também chamado de número de identificação do cartão ou CID) tem quatro dígitos. Ele aparece na frente do seu cartão, no canto superior direito do número da sua conta.

Em resumo:

Código de segurança Amex: Frente do cartão, no canto superior direito do número da conta.

Código de segurança Visa: Parte de trás do cartão, à direita da caixa de assinatura.

Código de segurança Mastercard: Parte de trás do cartão, à direita da caixa de assinatura.

Código de segurança Elo: Parte de trás do cartão, à direita da caixa de assinatura.

Código de segurança Discover: Parte de trás do cartão, à direita da caixa de assinatura.

O CVV do seu cartão é diferente do seu PIN (número de identificação pessoal), que você pode ter criado quando abriu sua conta. Com cartões de débito, você usa seu PIN ao retirar dinheiro de um caixa eletrônico ou ao concluir uma compra pessoalmente em uma loja. Com cartões de crédito, você usa seu PIN ao receber um adiantamento em dinheiro em um caixa eletrônico ou, com alguns cartões, pode ser necessário usá-lo para verificar transações pessoais em determinados terminais de caixas.

Código de segurança do cartão está invalido, o que fazer?

Se você receber esta mensagem ao fazer um pagamento online ou uma venda digitada, o primeiro procedimento é verificar se você digitou o número corretamente. Use as dicas acima para encontrar o número CVV do seu cartão específico.

Depois disso, se não funcionar, tente refazer a transação, inserindo os dados novamente.

Caso ainda não funcione, use outro cartão.

E para o cartão que não funcionou, verifique se a data de validade está certa, ou entre em contato com seu banco ou instituição financeira para saber o que pode ter acontecido.

Códigos de segurança de cartão

Códigos de segurança de diferentes cartões devem ser usados corretamente para os cartões serem usados online. (Foto: divulgação)

Por que os cartões de crédito possuem códigos CVV?

Seu CVV atua como uma medida de segurança para transações com cartão não presente. Como os comerciantes online não podem verificar sua assinatura, muitos solicitam seu código CVV para verificar se você é o legítimo proprietário do cartão de crédito.

Portanto, mesmo que um ladrão roube o número da sua conta de cartão de crédito com um skimmer, ele ou ela estará sem sorte em sites que exigem um CVV para compras. O CVV não é armazenado na tarja magnética na parte de trás do cartão – ele foi projetado para indicar a posse do cartão.

Os códigos CVV também ajudam a protegê-lo em caso de violação de dados. Isso ocorre porque as regulamentações do setor proíbem os comerciantes de armazenar códigos CVV. Portanto, embora você possa salvar o número do cartão e as informações pessoais no site de um comerciante, geralmente é necessário digitar seu CVV toda vez que você fizer uma compra.

Dito isto, nem todos os sites exigem códigos CVV. E alguns sites apenas solicitam seu CVV na primeira vez que você solicita itens em um endereço específico – e assume que as transações subsequentes são legítimas.

Como você pode manter o número do seu cartão de crédito seguro?

Embora os códigos CVV possam parecer uma desculpa para colocar os pés para cima, você ainda precisa estar atento quando se trata da segurança do seu cartão. Lembre-se de que nem todos os comerciantes solicitam códigos CVV – e, mesmo que solicitassem, os golpistas poderiam usar malware para capturar o seu durante transações virtuais.

Para permanecer seguro nas compras online, recomendamos as seguintes precauções:

Inscreva-se em um gerenciador de senhas: O LastPass é um programa gratuito que cria e armazena senhas fortes e exclusivas para cada site. Uma maneira tão simples – mas muitas vezes esquecida – de aumentar sua segurança online.

Evite salvar seus dados pessoais em sites de varejistas: claro, é conveniente, mas lidar com roubo de identidade certamente não é. Portanto, reserve 30 segundos extras para retirar seu cartão de crédito toda vez que você fizer uma compra. (E nunca salve seus dados em sites que não solicitam um CVV.)

Use “cartões de crédito virtuais”: pergunte ao emissor do cartão de crédito se ele oferece cartões de crédito virtuais. Esse recurso cria números de conta temporários que mascaram o número real do seu cartão, permitindo que você descarte facilmente o número virtual, se ele estiver comprometido.

Compre apenas em sites seguros: antes de fazer compras on-line, verifique se o site começa com “https: //” – o “s” no final significa seguro e significa que suas informações serão criptografadas.

Não clique em links em emails suspeitos: uma maneira de os phishers obterem seu CVV é enviar um email com aparência legítima. Pode solicitar que você ligue para um número de telefone ou clique em um link e insira as informações do seu cartão de crédito. Esteja atento a esses e-mails (sinais de aviso comuns incluem erros de ortografia ou erros de digitação) e compartilhe suas informações somente se você tiver entrado em contato com um banco ou varejista por meio do e-mail ou número publicado.

Monitore suas contas: verifique seus extratos quanto a atividades suspeitas e verifique seus relatórios de crédito periodicamente também. Se seu cartão for perdido ou roubado, ligue imediatamente para o emissor do cartão de crédito para congelar sua conta e solicitar um novo cartão.

Quando usados com sabedoria, os cartões de crédito são uma ótima ferramenta. Como os cartões de crédito possuem mais proteções do que os cartões de débito, recomendamos usá-los para todas as transações que não estão presentes no cartão.

Mas, embora os melhores cartões de crédito possuam amplos recursos de segurança, eles não são perfeitos. Faça o possível para evitar fraudes, mas lembre-se de verificar suas contas e extratos de vez em quando.

Portanto, fique esperto – e faça compras com segurança!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)